segunda-feira, 6 de junho de 2011

Tchau bercinho!

Desde que a Laura começou a dar sinais de que poderia pular a grade do berço e, consequentemente, se esborrachar no chão, traçamos um plano para transição entre o berço e a cama.

O bercinho dela é daqueles que se convertem em cama, mas sem grade de proteção. A Junia ficou tentada a comprar uma caminha mesmo, mas eu preferi converter o berço. Afinal, teria sido um desperdício comprar um berço desses e não usar.

Compramos duas grades de proteção. São relativamente baratas e a qualidade é razoável. Compramos na TokStok, mas certamente deve dar para achar mais barato em outra loja.

Uma vantagem das grades é que dá pra levar em viagens. Antes tínhamos que levar o berço desmontável dela, que é bem pesado e dá trabalho. As grades são bem mais leves e servem em qualquer cama, pois se encaixam debaixo do colchão.

Grade de proteção para cama



Ficamos com medo da transição, visto que a Laurinha já tem o sono complicado. Mas também não podíamos perder mais tempo, pois corríamos o risco de algum acidente em breve.

Assim que chegaram as grades, na sexta feira, comecei a desmontar as partes do berço e convertê-lo em cama. Falamos com ela antes que o papai ia montar sua cama de mocinha (big girl's bed). Ela ficou super curiosa e queria participar de tudo. A mamãe ficou junto com ela para garantir que não se machucasse em meio à bagunça. E toda hora ela já queria subir na cama, mesmo antes de estar pronta :-)


Laurinha brincando em sua cama
Laurinha brincando em sua cama

Ao final, ela adorou! Subia e descia toda hora, pulava na cama e rolava, toda feliz. E o melhor foi que ela dormiu sem maiores problemas. Achamos que ela poderia se levantar à noite ou algo assim, mas não aconteceu. Na verdade, no domingo ela veio andando sonolenta até o corredor, enquanto estávamos tomando café. Mas fora isso não tem saído da cama sozinha quando quer nossa presença durante a noite. Prefere chamar pela mãe, como antes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário