quinta-feira, 28 de maio de 2009

Galacta... o quê?

Galactagogos. Conforme define este artigo (recomendo!) são drogas que auxiliam na iniciação e manutenção da produção adequada de leite materno. Posso dizer que experimentei quase tudo quando suspeitei que a Laurinha estava agitada durante as mamadas devido à baixa produção de leite. Embora não saiba se minha produção de leite estava adequada, atualmente acho que a Laurinha não está ficando agitada por isso, pois o comportamento dela é o mesmo quando o peito está cheio.

Também achei útil informações de fóruns como este.

Sempre buscando tirar dúvidas com a minha ginecologista e com a pediatra, tentei:
  • Fitoterápicos - chá da mamãe (da weleda), tintura de algodoeiro, capsulas de alfafa, Legalon (extrato de silimarina)
  • Homeopático - fórmula homeopatica para aleitamento
  • Alopáticos- Motilium, Plasil(este não cheguei a usar regularmente, pois me fez mal), Syntocinon
  • Outros - compressa de água quente, extração do leite.
Confesso que, no desespero, usei a maioria deles simultaneamente, talvez a causa do meu insucesso. Mas como fui descontinuando o uso de cada um aos poucos e em momentos diferentes - sem aparentemente notar alteração na produção de leite - concluo que a maioria não fez efeito. Só uma coisa eu posso dizer que funcionou comigo, com certeza: extrair o leite, o que só comecei a fazer recentemente, quando a Laurinha passou a mamar menos no peito.

Quando comecei a extrair regularmente, lembro que tirei cerca de 250 ml no primeiro dia, hoje consigo tirar mais que o dobro disso. Ainda não consigo dar apenas o meu leite para a Laurinha, mas tenho conseguido aumentar a proporção de leite materno em relação ao Nan.

Como eu, vocês devem estar raciocinando: se precisa complementar, então o leite não está sendo suficiente, certo? Não é bem assim... primeiro porque a extração com bomba não é tão eficiente quanto o bebê sugar, então eu certamente tiro menos do que a Laurinha conseguiria no mesmo período. Segundo, mesmo quando a mama está vazia o leite "desce" durante a mamada ou extração, então depende também da frequência e volume retirado. Terceiro, a produção de leite normalmente se adequa à demanda, quanto mais o bebê mama (ou quanto mais se extrai), mais leite é produzido. Os casos de baixa produção de leite costumam ser raros, segundo este artigo. De qualquer forma, não acho que teria leite suficiente até para doar, como já me disseram.

Esta é a bomba que estou usando atualmente (bomba elétrica Swing, da Medela). É eficiente e silenciosa. Eu tenho uma outra da mesma marca(modelo Mini eletric), que parei de usar quando comprei esta. Não é tão eficiente e é barulhenta. Comprei a primeira bomba quando estava grávida, achando que ia usar mais quando voltasse ao trabalho. Mas a situação atual justificou o novo investimento!

Nenhum comentário:

Postar um comentário