sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Visita dos avós paternos

Duas semanas após a visita dos avós maternos vieram visitar a Laurinha seus avós paternos. Chegaram no dia 4 de setembro, um sábado, à tarde.

Avós paternos em Brasília

Novamente, a Laurinha só ficou meio ressabiada no início, mas logo foi se soltando. Achamos que ela ficou meio confusa com tanto vovô e vovó. Afinal, há poucos dias já tinham vindo os outros avós!

Brincando com os gatinhos pela grade

Mas logo ela já estava mais à vontade e até brincando com eles. Quando eles estavam na sala, ela vinha correndo lá do quarto procurando o vovô. Queria toda hora colocar o fone de ouvido do radinho do vovô para ouvir também.

Correu para ouvir o fone do vovô


No domingo nós passeamos pelas quadras e deixamos a Laurinha conduzir o passeio. Ela quis atravessar o eixão e ir até as quadras 200. Logo achou um parquinho e já quis subir nos brinquedos. Depois atravessamos de volta e ela correu para o parquinho de costume, da quadra vizinha à nossa.

Escalando (tadinha da mamãe!)

Também fomos ao Parque da Cidade, onde mal chegamos e ela já correu para o balanço. É engraçado que ela passa vários minutos sentadinha no balanço e parece que vai ficando com sono. Então, de repente, pede pra descer e já sai correndo por aí.

Balanço no Parque da Cidade

Além dos passeios com a Laura, aproveitei para levar meus pais ao Congresso Nacional. Minha mãe já tinha ido, mas meu pai não conhecia.

Ida ao Congresso (túnel do Anexo IV)

Visitação à Câmara (Relíquia do Antigo Plenário ao fundo)


Por fim, a Laurinha parece ter gostado bastante da visita. No último dia já chamava o vovô e a vovó de forma bem natural. E ficou bem tranquila para tirar umas últimas fotos no colo.

Última foto antes de partirem (o cabelo pra cima é porque é bem cedo!)

Boa viagem, vovô e vovó!

Nenhum comentário:

Postar um comentário